Anderson e Renata

Anderson e Renata

“Através de persistência o amor pôde enfim se fazer presente.
Pôde crescer, tomar força e ampliar-se.
Pôde constituir-se.
Construir-se durante os anos e diante de uma vida conjunta.
O Amor…
É eterno, infinito e inexplicavelmente amplo, tangível, perspicaz, vivenciado ao longo de uma vida conjunta e pautado em objetivos comuns.
Não necessariamente simples, mas rico. Completo e múltiplo.”

Comentários

comentários

Date

21 de junho de 2015

Category

Casamentos